top of page
Buscar
  • andrecostamatos

Urologista para Mulher: Desmistificando e Esclarecendo Dúvidas sobre Atendimento

Atualizado: 31 de jan.


Quando consultar um urologista para mulher?


A urologia, tradicionalmente associada ao cuidado da saúde do sistema urinário masculino, é uma especialidade médica que desempenha um papel vital na promoção da saúde também para as mulheres. 


No entanto, é comum que muitas mulheres tenham dúvidas e desconfortos ao considerar a consulta a um urologista. 


Este texto busca desmistificar e esclarecer diversas questões relacionadas ao atendimento urológico para mulheres, destacando a importância dessa especialidade na abordagem de questões específicas do trato urinário e reprodutivo feminino.


Quando consultar um urologista para mulher?


A primeira e mais fundamental dúvida muitas vezes surge em relação a quando é apropriado consultar um urologista. É importante compreender que a urologia não é exclusiva para homens; ela abrange questões relacionadas ao sistema urinário de ambos os sexos. Mulheres devem considerar agendar uma consulta urológica  em diversas situações, tais como:


Prevenção e tratamento de infecções do trato urinário (ITU):


A saúde do trato urinário é uma área fundamental da urologia feminina, e a prevenção e tratamento de ITUs são focos importantes. Além de tratar infecções existentes, os urologistas podem orientar sobre medidas preventivas, como a manutenção de uma boa higiene íntima e a ingestão adequada de líquidos.


Incontinência urinária


A incontinência urinária é uma condição que afeta muitas mulheres, especialmente após o parto ou durante o envelhecimento. Os urologistas podem realizar avaliações especializadas, incluindo estudos urodinâmicos, para identificar a causa da incontinência e propor estratégias de tratamento personalizadas.


Distúrbios da bexiga e cistite intersticial


Distúrbios da bexiga, como a cistite intersticial, podem causar desconforto significativo. O urologista é especializado em diagnosticar essas condições e pode propor tratamentos que vão desde medicamentos até procedimentos mais avançados, dependendo da gravidade.


Pedras nos rins:

As pedras nos rins podem afetar mulheres, e o urologista pode oferecer a expertise necessária para diagnosticar, tratar e prevenir a formação de cálculos renais.

Avaliação de problemas reprodutivos:


Para mulheres que enfrentam dificuldades para engravidar ou têm preocupações específicas relacionadas à saúde reprodutiva, um urologista pode realizar avaliações para identificar possíveis problemas, trabalhando em conjunto com profissionais de saúde reprodutiva quando necessário.


Prolapso uterino ou vaginal:


O prolapso uterino ou vaginal é uma condição que afeta algumas mulheres, especialmente após o parto. Os urologistas podem diagnosticar e tratar essas condições, oferecendo opções de tratamento que podem incluir fisioterapia, dispositivos pessários ou cirurgia, dependendo da gravidade.


Abordagem multidisciplinar:


Em muitos casos, o atendimento urológico para mulheres é parte de uma abordagem multidisciplinar. Os urologistas colaboram com outros profissionais de saúde, como ginecologistas, fisioterapeutas e especialistas em medicina reprodutiva, para garantir uma visão completa e integrada da saúde feminina.


Desmistificando a consulta urológica para mulheres:


É compreensível que algumas mulheres possam sentir desconforto ou hesitação ao procurar um urologista, especialmente porque essa especialidade foi historicamente associada ao cuidado masculino. No entanto, é crucial entender que os urologistas são profissionais de saúde especializados na saúde do trato urinário, independentemente do gênero.


Uma consulta urológica para uma mulher é um procedimento profissional e sensível, focado na avaliação da saúde do trato urinário e reprodutivo feminino. Os urologistas especializados em atendimento feminino compreendem a importância da delicadeza e do respeito durante essas consultas. Aqui está uma visão geral do que pode acontecer durante uma consulta urológica para uma mulher:


Entrevista Inicial:


  • O urologista começará a consulta fazendo perguntas sobre a história médica da paciente, incluindo sintomas atuais e passados, histórico de infecções do trato urinário, cirurgias anteriores e condições médicas relevantes.

  • Perguntas sobre hábitos de vida, como ingestão de líquidos, atividade física, e aspectos específicos da saúde urogenital também podem ser abordadas.

 Exame físico:

  • O urologista realizará um exame físico geral e específico para avaliar a região pélvica e os órgãos do trato urinário.

  • Durante o exame, pode ser realizada uma palpação abdominal e uma avaliação da área genital externa.

Exame ginecológico:

  • Dependendo das queixas da paciente e da necessidade de avaliação, um exame ginecológico pode ser realizado. Isso incluirá a utilização de um espéculo para avaliar a vagina e o colo do útero.

  • O urologista pode também verificar a integridade dos músculos do assoalho pélvico e procurar sinais de prolapso uterino ou vaginal.


Exames complementares:


  • O urologista pode solicitar exames de imagem, como ultrassonografia pélvica ou ressonância magnética, para uma avaliação mais detalhada das estruturas do trato urinário.

  • Exames laboratoriais, como análises de urina, podem ser solicitados para identificar possíveis infecções ou outras anormalidades.

Avaliação urodinâmica (se necessário):



  • Em casos de incontinência urinária ou outros distúrbios do trato urinário, o urologista pode recomendar uma avaliação urodinâmica. Esse teste mede a função da bexiga e pode ajudar a identificar a causa de sintomas como urgência, frequência urinária ou vazamento.

Discussão e plano de tratamento:


  • Com base na entrevista, exame físico e resultados de exames, o urologista discutirá os achados com a paciente.

  • Um plano de tratamento será proposto, incluindo opções como mudanças no estilo de vida, terapia medicamentosa, fisioterapia pélvica ou, em casos mais graves, intervenções cirúrgicas.

É fundamental lembrar que os urologistas especializados em atendimento a mulheres estão treinados para lidar com questões específicas do trato urinário feminino, e as consultas são realizadas com a sensibilidade necessária para garantir o conforto da paciente. 


Se uma mulher estiver enfrentando problemas urinários ou reprodutivos, a consulta a um urologista pode ser uma etapa importante para obter diagnóstico e tratamento adequados.


39 visualizações0 comentário
bottom of page