top of page
Buscar
  • andrecostamatos

Uretra: conheça as 4 doenças mais comuns e saiba como prevenir

A uretra é um órgão em forma de tubo que faz parte do sistema urinário, responsável por transportar a urina da bexiga para fora do corpo durante a micção. Nas mulheres, a uretra é mais curta e está localizada próxima à vagina. Nos homens, a uretra é mais longa e passa pelo pênis, também desempenhando o papel de canal para a eliminação do esperma durante a ejaculação.


A saúde da uretra é essencial para o funcionamento adequado do sistema urinário como um todo. No entanto, diversos fatores podem afetar a uretra, levando ao desenvolvimento de diferentes doenças e condições. Entre as doenças mais comuns da uretra, destacam-se a uretrite (irritação que pode ser por infecção),  estenose uretral, câncer de uretra e outras.


Assim, vamos falar sobre as cinco doenças da uretra mais comuns, seus sintomas, tratamentos e medidas preventivas.



1. Uretrite


A uretrite é a inflamação da uretra, que pode ser causada por infecções bacterianas, virais ou fúngicas, bem como por irritações químicas ou lesões. Os sintomas incluem dor ao urinar, corrimento uretral, coceira e sensação de queimação ao redor da uretra. 


O tratamento depende da causa subjacente e pode incluir antibióticos, antivirais, antifúngicos ou medicamentos anti-inflamatórios.


A prevenção da uretrite envolve a prática de sexo seguro, evitando o contato com substâncias irritantes e mantendo uma boa higiene genital.


2. Estenose Uretral


A estenose uretral é uma condição na qual a uretra se estreita devido a cicatrizes ou lesões, dificultando o fluxo urinário. Os sintomas incluem dificuldade em urinar, jato urinário fraco e dor ao urinar. O tratamento pode envolver dilatação uretral, cirurgia ou colocação de stent uretral, dependendo da gravidade do estreitamento.


Para prevenir a estenose uretral, é importante evitar lesões na área genital, tratar prontamente infecções urinárias e seguir as orientações médicas após cirurgias urológicas.



3. Câncer de Uretra



Embora raro, o câncer de uretra pode ocorrer e geralmente é diagnosticado em estágios avançados devido à falta de sintomas específicos nas fases iniciais. Os sintomas tardios podem incluir sangue na urina, dor na região pélvica, dificuldade em urinar e aumento do tamanho dos gânglios linfáticos. O tratamento pode envolver cirurgia, radioterapia, quimioterapia ou uma combinação dessas modalidades.


A prevenção do câncer de uretra envolve visitas regulares ao médico para exames de rotina, especialmente para pessoas com histórico familiar de câncer urológico, além de evitar o tabagismo e adotar um estilo de vida saudável.


4. Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs)



As DSTs podem afetar a uretra e causar uma série de sintomas, como corrimento uretral, dor ao urinar, coceira e feridas genitais. Exemplos de DSTs que podem afetar a uretra incluem clamídia, gonorreia e tricomoníase. O tratamento geralmente envolve o uso de antibióticos ou antifúngicos, dependendo da infecção.


A prevenção das DSTs inclui o uso de preservativos durante a relação sexual, a prática de sexo seguro e a realização regular de exames de DSTs, especialmente para pessoas sexualmente ativas ou com múltiplos parceiros.


Em resumo, as doenças da uretra podem variar de infecções comuns a condições mais graves como o câncer. A prevenção e o tratamento precoce são fundamentais para garantir a saúde e o bem-estar do sistema urinário. 


Consulte sempre um médico para um diagnóstico preciso e um plano de tratamento adequado às suas necessidades individuais. Ao adotar medidas preventivas e manter hábitos saudáveis, é possível reduzir o risco de desenvolver doenças da uretra e manter a saúde urológica em dia.


24 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page